cheirando a guardado

o que fui guardando na memória do gostar ...

maio 12, 2010

Salgado




San Juan, Chimborazo, Equador 1979





“Mais do que nunca, sinto que a raça humana é somente uma. Há diferenças de cores, línguas, culturas e oportunidades, mas os sentimentos e reações das pessoas são semelhantes. Pessoas fogem das guerras para escapar da morte, migram para melhorar sua sorte, constroem novas vidas em terras estrangeiras, adaptam-se a situações extremas…”



"Espero que a pessoa que entre nas minhas exposições não seja a mesma ao sair".


Sebastião Salgado


Fotógrafo, nascido em Aimorés, Minas Gerais, Brasil, a 8 de fevereiro de 1944




Marcadores:

1 Comentários:

Blogger Teresa disse...

Belíssimas fotografias! Bem escolhidas.

11 de março de 2012 10:39  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial

contador de visitas gratis
Tagesgeld Vergleich
Get this widget | Track details | eSnips Social DNA